Integração de projetos do Sistema CNA/Senar melhora produção de leite de cabra na Paraíba
Cabra Jocelio

Forrageiras para o Semiárido e Assistência Técnica e Gerencial auxiliam família do Cariri paraibano

27 de outubro 2021
Por Instituto CNA

Brasília (27/10/2021) – Trabalhar no campo é um processo contínuo de aprendizado, onde agricultores e pecuaristas brasileiros enfrentam dia a dia os desafios de produzir alimentos. A família de Gerson Abdias de Farias, por exemplo, aprendeu a conviver com a falta de chuva na região do Cariri paraibano.

“Hoje chove, amanhã e no ano que vem já não chove. E nós vamos levando, porque nós, caririzeiros, aguentamos”, disse Gerson.

A criação de cabras para a produção de leite é a atividade principal da família Farias. Devido ao clima da região, eles precisaram buscar alternativas para alimentar o rebanho durante a seca. E a palma forrageira foi uma delas.

Para aprender mais sobre essa alternativa nutricional, José Neto Queiroz de Farias, filho de Gerson, visitou a Unidade de Referência Tecnológica (URT) do projeto Forrageiras para o Semiárido, instalada no município de Tenório. A iniciativa é do Sistema CNA/Senar e da Embrapa.

Em uma área de 1 hectare são testadas variedades de gramíneas perenes, forrageiras anuais (sorgo, milho e milheto), lenhosas (gliricídia e moringa) e quatro variedades de palma. Depois de ver os bons resultados, principalmente da gliricídia e do capim buffel, José Neto decidiu adicionar as duas forrageiras na propriedade.

Áreas de atuação