CNA participa do principal evento de hortaliças da América Latina
Hortitec

Hortitec acontece até sexta (24), em Holambra (SP)

23 de junho 2022
Por CNA

Brasília (23/06/2022) – A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) participa, até sexta (24), da 27ª Exposição Técnica de Horticultura, Cultivo Protegido e Culturas Intensivas (Hortitec), em Holambra (SP).

Este é o principal evento da América Latina para o setor, com uma extensa programação desde sua abertura, na quarta (22). Ontem, A CNA esteve na mesa redonda “Por que consumir mais hortifrúti?”, promovida pelo projeto Hortifruti/Cepea.

No encontro, a assessora técnica das Comissões de Fruticultura e de Hortaliças e Flores da CNA, Letícia Fonseca, apresentou a Campanha “Frutas e Hortaliças – Por que comer mais?”, realizada em 2021 com apoio da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) no Brasil, que nomeou 2021 como o Ano Internacional das Frutas, Legumes e Verduras.

Letícia alertou sobre a redução da frequência de consumo e da quantidade consumida nos últimos anos. Segundo ela, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda o consumo mínimo de 400g per capta diária, mas o consumo médio nacional está abaixo dos 150g, segundo a Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2017/18 (IBGE).

“Frutas e hortaliças são fontes já conhecidas de vitaminas e mineiras. Mas elas também são ricas em fibras e compostos bioativos, que auxiliam o funcionamento do intestino, a regulação hormonal, assim como prevenção de doenças crônicas não transmissíveis”, afirmou.

Letícia Fonseca

Letícia Fonseca e Margarete Boteon, do projeto Hortifruti/Cepea

A assessora técnica da CNA ressaltou a importância de o incentivo ao consumo ser trabalhado desde a infância, fazendo parte da educação alimentar, e apresentou sugestões para aumentar o consumo, como deixar os alimentos já limpos e acessíveis em casa, utilizar frutas e hortaliças como snacks e frutas desidratadas, entre outras.

Outro ponto comentado foi a importância da diversificação na alimentação. “As frutas e hortaliças apresentam cores e sabores variados, em função da composição. As uvas, por exemplo, são fontes de antocianinas. Já o tomate é rico em licopeno. Ambos com ação antioxidante e anti-inflamatória”, disse Letícia.

A Confederação também está realizando um estudo sobre rastreabilidade em parceria com a Associação Brasileira dos Produtores Exportadores de Frutas e Derivados (Abrafrutas), o Instituto Brasileiro de Horticultura (Ibrahort), o Instituto Brasileiro de Floricultura (Ibraflor) e o Senar-SP. O levantamento é feito com os participantes da Hortitec para saber o que eles pensam sobre o tema.

Os resultados deste levantamento serão apresentados amanhã (24) durante a reunião da Comissão Nacional de Hortaliças e Flores da CNA. Além disso, a CNA está presente em atividades no estande do Senar-SP/ Sindicato Rural de Mogi Mirim.

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109-4135/1421/1447
flickr.com/photos/canaldoprodutor
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil
youtube.com/agrofortebrasilforte

Áreas de atuação