ALIMENTAR

É CONSTRUIR

O FUTURO

Minas Gerais

Programa ATeG Café+Forte ajuda família a seguir com negócio rural

29 de junho 2021
Por Senar

“O Sistema FAEMG/SENAR/INAES transformou as nossas vidas”. O relato é da produtora Marli Aparecida Braga Gonçalves Silva, de Varginha. A propriedade da família começou a ter o acompanhamento do Programa de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) Café+Forte em 2019. Com as orientações, todas as lavouras de café foram reestruturadas e a produção aumentou 53%, em comparação com 2019, que também foi de bienalidade baixa.

Marli, o marido Divino da Silva e os filhos Mayron, Merick e Milene buscavam alternativas para salvar o plantio de café de suas duas propriedades. Antes do ATeG Café+Forte, a produtora cogitou vender uma fazenda e abandonar a atividade. Foi nesse momento que Mayron, com 18 anos na época, incentivou a família a viver da cafeicultura. Prestes a desistir e sem saber como administrar e produzir da forma correta, a produtora passou a contar com a assistência técnica e gerencial.