CNA analisa mercado de fertilizantes
Comissoes fertilizantes

Entidade reuniu técnicos, presidentes e vice-presidentes das comissões nacionais para debater o tema na quinta (30)

30 de junho 2022
Por CNA

Brasília (30/06/2022) – A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) reuniu, na quinta (30), técnicos, presidentes e vice-presidentes das comissões nacionais da entidade para discutir o mercado de fertilizantes.

O encontro contou com uma palestra do representante da empresa StoneX, Marcelo Mello, que falou sobre o cenário mundial do produto.

Ele mostrou os preços dos produtos da fórmula NPK (Nitrogênio, Fósforo e Potássio) de 2008 a 2022 e disse que o aumento no preço atual é o maior da história.

Mello explicou que os preços ficaram muito altos por inúmeros fatores, como a crise do gás natural, restrições da Rússia e da China à exportação de fertilizantes, aprofundamento das sanções dos Estados Unidos à Bielorrússia e agora a guerra entre Rússia e Ucrânia.

"Esperamos para 2022 o encontro entre oferta e demanda, correções de preços e o final do ciclo de alta. Já para 2023/2024, poderemos ter uma acomodação das crises entre os países, Bielorrússia, Rússia e Ucrânia, retorno das exportações da China, novas produções de NPK e o mercado tende a operar em queda”.

O consultor também fez recomendações para a compra dos fertilizantes, mostrando um bom cenário de compra para nitrogenados, fosfatados e potássio no período de setembro a outubro de 2022. A partir de outubro, Mello afirma que é melhor o produtor esperar para ver o desenvolvimento dos preços que podem cair a partir de 2023.

“Os produtores de grãos ainda não está produzindo com prejuízo, mas com risco. Por isso, ele tem que dosar o uso”.

O diretor técnico da CNA, Bruno Lucchi, falou sobre as ações que a confederação tem proposto para reduzir a dependência do produtor brasileiro dos produtos importados.

Entre as ações proposta pela CNA, estão a ampliação de estudos geológicos no Brasil para mapear o potencial de produção nacional, a defesa do uso de remineralizadores como ferramenta de manejo para melhoramento do solo e apoio à aprovação do Projeto de Lei nº 3.507/2021 que institui o Programa de Desenvolvimento da Indústria de Fertilizantes (Profert).

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor
cnabrasil.org.br
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil
youtube.com/agrofortebrasilforte