ALIMENTAR

É CONSTRUIR

O FUTURO

Santa Catarina

Apicultura em expansão: Dia de Campo mostra resultados de técnicas aplicadas no segmento
SITE VEJA TAMANHO 9

Participaram 30 pessoas e as atividades foram conduzidas pela técnica de campo Mardiori Souza e pelo supervisor técnico ATeG Fernando Schneider

17 de março 2022
Por Senar

O Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) com foco na apicultura foi tema do Dia de Campo do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/SC), órgão vinculado à Federação da Agricultura e Pecuária do Estado (Faesc), neste mês, em São Lourenço do Oeste. O evento contou com a parceria do Sindicato Rural do município e foi realizado na propriedade de João Carlos Suldowski , linha Frederico Wastner.

Participaram 30 pessoas e as atividades foram conduzidas pela técnica de campo Mardiori Souza e pelo supervisor técnico ATeG Fernando Schneider com auxílio da profissional Cleusa Finco Franzen e acompanhamento da supervisora regional Grasiane Bittencourt Viêra e do presidente do Sindicato Rural Nelso Luiz Moresco. O objetivo foi abordar assuntos como troca de abelhas-rainhas, manejo de princesas, avaliação de quadros e manejo apícola em geral.

A assistência técnica e gerencial nas propriedades possibilita acompanhar os apicultores em todas as etapas de produção, desde atividades de campo até processos gerenciais. Em um período e dois anos, os técnicos fazem visitas mensais aos produtores e controlam de perto a evolução da atividade. O trabalho tem transformado os manejos com orientações sobre controle da nutrição, sanidade, genética, manejo dos espaços, controle populacional e análise de gestão.

SOBRE A ATEG APICULTURA

O Programa ATeG com foco para a apicultura foi implementado em Santa Catarina em 2016 e contabiliza expressivos resultados nos estabelecimentos rurais. Segundo a coordenadora do programa em SC, Paula Araújo Dias Coimbra Nunes, atualmente são atendidos 299 produtores de mel de 52 municípios. “O objetivo é acompanhar a produção dos apicultores, auxiliar no trabalho de campo e orientar no gerenciamento das atividades e na gestão dos negócios”.

O presidente do Sistema Faesc/Senar-SC, José Zeferino Pedrozo , salienta que Santa Catarina tem grande potencial para desenvolvimento da apicultura e, por isso, a entidade investe na profissionalização do setor. “O programa auxilia na organização das propriedades e no aperfeiçoamento técnico da atividade. Para isso, oferece acompanhamento técnico mensal, o que é essencial para trazer mais segurança na tomada de decisões e ampliar as oportunidades de investimento e de mercado”.

O dirigente reforça que o Senar/SC vem contribuindo, juntamente com o apoio de outras entidades e órgãos, para elevar a qualidade do mel. “Com a ATeG conseguimos qualificar a produção, com acompanhamento direto no campo, melhorar os resultados com assistência técnica e gerencial aos apicultores e fortalecer o setor com investimentos na base”. 

O superintendente do Senar/SC, Gilmar Zanluchi , também reforça que a entidade investe constantemente na profissionalização do segmento para auxiliar na melhoria da produtividade e fortalecer a cadeia produtiva. “Temos uma atividade em plena ascensão com um produto que conquistou destaque no mundo todo. Iniciamos 2022 renovando nosso compromisso de continuar auxiliando os produtores para fortalecermos ainda mais o setor”.