Logo CNA

CNA participa de Seminário Internacional do Açúcar em Londres
Whats App Image 2023 11 24 at 14 09 27

Evento reuniu autoridades de diversos países e entidades do setor agropecuário e sucroenergético

24 de novembro 2023
Por CNA

Brasília (24/11/2023) – O presidente da Comissão Nacional de Cana-de-açúcar da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Nelson Perez, participou, nos dias 21 e 22 de novembro, do 32º Seminário da Organização Internacional do Açúcar (ISO), em Londres, na Inglaterra.

O evento, que teve como tema central “Energia, preços, geopolítica, regulações complexas: oportunidades para inovação”, reuniu autoridades de diversos países e entidades do setor agropecuário e sucroenergético.

O papel de destaque do Brasil no setor sucroenergético foi abordado em painéis, que trataram, dentre diversos outros assuntos, da evolução e perspectivas de produção e mercado de açúcar e etanol, energia verde, políticas públicas, defesa fitossanitária e ações de mitigação das mudanças climáticas.

“Participar de eventos internacionais, representando os produtores de cana é fundamental para mostrar que somos parte importante no sucesso desse setor. Acompanhar e participar das discussões que envolvem a cadeia no mundo todo também é muito interessante”, afirmou Perez.

Segundo Nelson, o mundo está procurando soluções e alternativas para mitigar o aquecimento global e diminuir emissões de carbono e o Brasil está na vanguarda desse processo, pois possui muitas opções de descarbonização. O etanol, por exemplo, já substituiu entre 39,6% e 48,4% da gasolina consumida no país.

“Temos que aproveitar o momento e, com apoio governamental, determinar diretrizes que nos consolidem como líder mundial nesse processo”, disse.

Durante o evento, o presidente da Datagro, Plínio Nastari, afirmou que o Brasil é o país com a oferta primária de energia mais renovável do mundo (47,4%). Dentre elas, destaca-se a cana-de-açúcar. “O setor tem potencial de avançar ainda mais, integrando também outras cadeias produtivas, como a do milho, bem como o uso de resíduos orgânicos agrícolas e urbanos”.

De acordo com estimativas apresentadas no seminário, até 2050, o mercado mundial de etanol deverá crescer de 9 a 10 vezes, para suprir toda a demanda.

Além do seminário, a CNA participou, na segunda (20) de encontro promovido pela Embaixada do Brasil em Londres e a Câmara Brasileira de Comércio na Grã-Bretanha, que reuniu técnicos e produtores para discutir as oportunidades do setor sucroenergético no Brasil.

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109-1419
  flickr.com/photos/canaldoprodutor
  twitter.com/SistemaCNA
  facebook.com/SistemaCNA
  instagram.com/SistemaCNA
  facebook.com/SENARBrasil
  youtube.com/agrofortebrasilforte

Áreas de atuação

Matérias Relacionadas