ALIMENTAR

É CONSTRUIR

O FUTURO

Minas Gerais

O maior doce de abóbora do Brasil está no Guinness e foi feito por ex-aluno do SENAR
Maior doce de abobora do Brasil

4 de março 2022
Por Senar

Ele tem uma loja em Poços de Caldas e recebe turistas na sua propriedade, um sítio agroecológico. Carrega na alma a essência do doce mineiro em tradição repassada pela avó e por sua mãe, através das receitas da família. Mais do que doces artesanais, Gláucio Peron defende o setor e as suas tradições com todas as suas forças. A sua história começa na infância, no preparo do doce nas temporadas de frutas na fazenda Ubá Pequeno, de seus avós. Mas ele não parou de se aperfeiçoar. Podemos dizer que, nessa trajetória, muitos pedaços foram construídos com a capacitação do Sistema FAEMG/SENAR/INAES/Sindicatos.

Gláucio Peron já passou por vários cursos do Sistema FAEMG, um dos últimos foi o de produção artesanal de doces . Opções diversas para adoçar a vida são o “carro-chefe” da loja que tem em Poços de Caldas, a Doce da Roça. É lá também que pode ser encontrado o maior doce de abóbora do Brasil . Isso mesmo! Gláucio é o criador do formato e do tamanho do doce de 551kg, registrado no livro dos recordes, Guinness Book.

Formado em administração, Gláucio fez valer as aulas de marketing e entendeu que o seu diferencial competitivo seria o tamanho do doce. Ele estava certo. Ganhou mercado. Segundo o produtor, o tamanho do doce permite uma comercialização mais democrática, pois o produto é vendido por quilo e o cliente leva o quanto quer para a casa. O formato também promove o descarte consciente e menor impacto ao meio ambiente, pois o uso do plástico nas embalagens foi reduzido.