ALIMENTAR

É CONSTRUIR

O FUTURO

Santa Catarina

Empresa rural Família Werlang apresenta case de excelência no Itaipu Rural Show
24

31 de janeiro 2020
Por Senar

No primeiro dia da 22ª edição do Itaipu Rural Show, em Pinhalzinho , o espaço do Sebrae/SC foi palco da valorização do trabalho do empresário rural. Silvênio Werlang , acompanhado da filha Daivane , apresentou o case de sucesso da propriedade da família, que já ganhou prêmios e reconhecimento de diversas entidades, como cooperativa e Câmara de Vereadores, graças ao esforço e a procura por conhecimento dos proprietários.

A história da empresa rural da família Werlang inicia em 1935, quando o avô de Silvênio se estabeleceu no município de Saudades (SC) e adquiriu as terras onde até hoje os familiares vivem e trabalham. Sabendo do potencial da fazenda e acreditando na importância do estudo, no decorrer dos anos, Silvênio fez diversos cursos oferecidos pela parceria entre o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e o Sebrae/SC, entre eles o de Administração Rural.

No ano passado, a família Werlang foi destaque no 7º Prêmio Empreendedor Rural Cooperativista, recebendo o primeiro lugar no Troféu Aury Luiz Bodanese. O objetivo desta premiação é reconhecer o desempenho de empresários rurais que adotam práticas diferenciadas, melhorando a qualidade de vida e a renda da empresa rural, aumentando a produtividade e reduzindo custos, sempre respeitando a natureza.

A filha Daivane comentou que o reconhecimento veio, pois, a propriedade é vista como uma empresa e os familiares que trabalham nela respeitam a visão de oferecer produtos de qualidade, observando questões ambientais e mantendo o bem-estar da família e dos colaboradores. Ela também explicou como funciona o planejamento. “Tudo que fazemos fica arquivado. Temos o manual instrucional e operacional da propriedade. Assim, há a padronização dos nossos serviços. Se alguém faltar, qualquer pessoa que assumir a atividade saberá como fazer da melhor forma”, reforçou.

Entre as atividades da propriedade estão a produção de feno, suinocultura e investimento em genética. Atualmente estão trabalhando no planejamento da reforma de instalações agrícolas. Daivane também destacou a importância do investimento no certificado de propriedade livre de brucelose e tuberculose, análise de qualidade da água e licença ambiental. “Tudo isso vai ao encontro das boas práticas para se ter uma empresa rural de excelência”, destacou Daivane.

Além disso, os Werlang valorizam e preservam a história. Eles mantêm um pequeno museu que está aberto à visitação, com exposição de ferramentas e de objetos utilizados desde a fundação da propriedade.

O lazer também tem seu espaço. A cada dois anos, Silvênio e a esposa fazem uma viagem nacional, assim conseguem dar continuidade ao bom trabalho que vem sendo feito. “Tudo isso e a vontade de aprender nos trouxe até aqui”, finalizou Silvênio.