Acre

Curso de Mecanização Agrícola certifica produtores rurais na Expoacre 2022
Encexpomec1

4 de agosto 2022
Por Senar

Por: Astorige Carneiro

Curso beneficiou produtores rurais através da FPR. Foto: ASCOM

A Formação Profissional Rural (FPR) do SENAR – Acre garante a melhora do acesso dos produtores rurais ao mercado de trabalho. Com este objetivo, foi encerrado na última terça-feira (2) uma nova oferta do curso de Mecanização Agrícola, realizado em parceria com a Secretaria de Estado de Produção e Agronegócio (Sepa).

encexpomec2

Lamonier Saldanha, conhecido como “Ceará”, foi um dos concludentes da oferta. Foto: ASCOM

Entre os 14 concludentes do curso, está Lamonier Saldanha, conhecido como “Ceará”. De acordo com o produtor rural, que já trabalha na área de mecanização há 10 anos, foi uma “reciclagem” dos conhecimentos adquiridos anteriormente, e que todos estão muito agradecidos pela oportunidade.

encexpomec3

Curso foi realizado através da parceria institucional entre SENAR e Sepa. Foto: ASCOM

“Eu trabalho de tratorista e também trabalho na Embrapa. O conhecimento ninguém tira da gente, e como o mundo está sempre mudando, é importante a gente sempre buscar o melhoramento. Se não nos aperfeiçoarmos, ficamos pra trás na vida e no mercado de trabalho”, disse Ceará.

encexpomec6

Ilcilene Malini, gerente técnica do SENAR - Acre. Foto: ASCOM

Representando o SENAR – AC, esteve presente no encerramento do Ilcilene Malini, gerente técnica da instituição. “Cada vez que encerramos um curso, percebemos que houve a troca de experiências. O SENAR é isto, esta vivência. A riqueza do conhecimento é que ninguém pode tirar isso de vocês. Nossos cursos são reconhecidos pelo MEC, ou seja, válidos em todo o território nacional”, destacou Ilcilene.

Max Theodoro, instrutor do curso, encerrou o curso pedindo que o conhecimento adquirido não seja deixado de lado: “Aproveitem esta oportunidade e busquem novas chances de trabalho. A nossa maior felicidade é saber que nossos alunos estão melhorando de vida, garantindo qualidade de vida e crescimento da renda.”