ALIMENTAR

É CONSTRUIR

O FUTURO

Paraíba

“Falta de mecanização da palma é problema na pecuária do nordeste”, diz criador
4

22 de agosto 2022
Por CNA

Por: Ascom Faepa/Senar-PB

3

A palma é uma cactácea importante para as regiões áridas e semiáridas do Brasil e do mundo, por possuir uma maior resistência à seca graças a sua rusticidade e capacidade de armazenamento de água, sendo também um ótimo alimento energético para os animais.

Hoje, faz parte da base alimentar dos rebanhos e é cultivada principalmente para produção de forragens. Contudo, existe a necessidade de mecanização da palma para que haja redução nos gastos com mão de obra. Como conta o produtor rural, Joaquim Pereira Dantas.

“A mecanização é um ponto a se resolver dentro da cultura da palma, a gente consegue potencializar o uso da mão de obra que é um item caríssimo e cada vez menos disponível na região. Porque ela é a principal fonte de energia e de alimentação para o segundo semestre. É o que nos dá a garantia para atravessar as secas”, comenta.

1

Durante o X Congresso Internacional de Palma e Cochonilha, promovido pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Federação da Agricultura e Pecuária da Paraíba (Faepa) e Sociedade Internacional de Ciências Hortícolas (ISHS), na sigla em inglês, que irá acontecer entre os dias 26 e 29 de setembro, será lançada a primeira máquina colheitadeira de palma no Brasil.

O equipamento está sendo desenvolvido pela empresa paraibana Laboremus, com financiamento da CNA. Com a chegada dessa nova tecnologia ao campo esperasse que o cultivo da palma se torne mais prático e que os custos com mão de obra sejam consideravelmente reduzidos.

X Congresso Internacional de Palma e Cochonilha

O X Congresso Internacional de Palma e Cochonilha será sediado em João Pessoa-PB no Centro de Convenções da capital e reunirá cientistas, técnicos e especialistas do mundo todo para discutir os usos e as potencialidades da palma forrageira. O evento tem como tema geral “Cactus: A nova revolução verde em terras áridas”.

Representantes de 16 países já confirmaram presença no evento, contando com o Brasil. Entre eles estão a África do Sul, Argentina, Chile, Estados Unidos, Etiópia, Índia, Israel, Itália, Japão, Jordânia, Marrocos, México, Quênia, Senegal e Tunísia. Ao todo, serão apresentados e avaliados 134 trabalhos científicos nos três primeiros dias de Congresso e no dia 29, haverá uma visita técnica à Fazenda Riacho do Navio, em Campina Grande.

Para mais detalhes sobre o evento, acesse: www.cactuscongress2022.com

Serviço:
O que: X Congresso Internacional de Palma e Cochonilha
Quando: 26 a 28 de setembro de 2022
Local: Centro de Convenções de João Pessoa

Assessoria de Comunicação Sistema Faepa/Senar-PB
(83) 3048-6050 / (83) 3048-6073
facebook.com/faepasenarpb
instagram.com/faepasenarpb
twitter.com/faepasenarpb
youtube.com/faepasenarpb
senarpb.com.br