ALIMENTAR

É CONSTRUIR

O FUTURO

São Paulo

SENAR/SP realiza Projeto Piloto da atividade Artesanato com fios variados – macramê
Julho 07 Treinamento Instrutores Artesanato com fios variados macrame

A Divisão de Promoção Social do SENAR/SP realizou, no município de Piquete, o projeto piloto da nova atividade, Artesanato com fios variados – Macramê.

7 de julho 2022
Por Senar

O treinamento ocorreu a até o final do mês passado, contando com a presença de cerca de 15 participantes e foi conduzido pelas autoras da Cartilha, Eva Imaculada Chaves da Silva e Jamile Maria Jubran de Oliveira Said Uebe. A ação teve como objetivo validar o projeto técnico e o conteúdo da cartilha, e todas as pessoas envolvidas colaboraram para o seu pleno alcance, com atenção ao conteúdo da cartilha e opinando sobre como melhorar as informações nela contidas.

A nova atividade foi recebida pelas participantes com muito entusiasmo, o qual manteve-se por todos os dias. Cada peça produzida trazia a satisfação pela realização de algo que acreditavam não ser capazes de fazer. A participante Elisa Guimarães Florentino, familiar de produtor rural, disse que só sabia fazer crochê: “Eu achei que ia ter muita dificuldade. Primeiro dia foi meio difícil, mas depois eu achei tão bom que uma semana seria pouco, eu faria duas, três semanas, de tão prazeroso que foi. A cartilha está bem explicada. Só acompanhando o passo a passo a gente consegue fazer tudo.”

Para a participante Sueli Auxiliadora da Silva, os cursos do SENAR-SP tiveram um alcance maior do que a parte prática: “Eu gostei muito de ter tido essa oportunidade de aprender e ter estado ao lado de pessoas competentes. Eu aprendi muito nesse curso de macramê, eu gostei demais. Eu já participei de outros cursos do SENAR-SP e todos me agregaram muito conhecimento. Todos os professores são supercompetentes, cada um em sua área. Esse curso de macramê, em especial, eu fiquei muito feliz em dar opiniões para contribuir na cartilha. Isso mostrou como o SENAR-SP pensa com muita dedicação e carinho no aprendizado de seus alunos. Gostaria de acrescentar que o SENAR mudou a minha vida me tirando de um início de uma depressão e síndrome do pânico há quase dois anos e os cursos me deram uma oportunidade de melhorar minha vida.”

“Gostei bastante do curso, superou as minhas expectativas, pois como nunca tinha feito algo parecido, achei que fosse ter muita dificuldade em aprender. Professoras excelentes, a proposta é muito boa. Valeu muito a pena. Agradeço a oportunidade de ter feito esse curso com vocês! ”, foi a opinião da trabalhadora autônoma, Larissa Nunes Godoy Bevilacqua Bonifácio.

O Sindicato Rural de Lorena e Piquete não mediu esforços para que tudo ocorresse da melhor forma, acompanhando integralmente a realização do Projeto. O Presidente do Sindicato Rural, Bruno Lopes Nunes, que esteve presente no curso, declarou: “Confesso que fiquei muito feliz em ter o projeto piloto de Artesanato em Macramê na nossa extensão de base Piquete -SP, e cidade em que resido.

Com a experiência da nossa instrutora conterrânea, ali tive o privilégio de ver minha antiga professora de geografia e pessoas queridas fazendo coisas lindas com o decorrer do curso e que dali possa sair uma renda desse novo trabalho as participantes.”

O Sr. Tales Henrique de Freitas, responsável pela organização das atividades do SENAR-SP no Sindicato Rural, acompanhou a atividade e se colocou totalmente à disposição para que tudo ocorresse da melhor forma: “Gostaria de expor minha satisfação e felicidade em poder fazer parte do projeto piloto de Artesanato em Macramê em nosso município de extensão de base Piquete-SP. Lembro de quando fui procurado pela Eva, também moradora de Piquete, com a apresentação de seu trabalho e achamos muito importante leva-lo ao conhecimento do SENAR/SP que já é reconhecido pelo público rural através de seus cursos excelentes. Ajudar a comunidade rural a desenvolver um novo trabalho em Macramê vai gerar uma renda muito importante para os participantes dos cursos.”

A satisfação com o trabalho também foi vivenciada pelas autoras da cartilha. Eva Imaculada Chaves relatou que: “Como instrutora me senti realizada conseguindo passar as técnicas do macramé para as alunas que nunca tiveram oportunidade de aprender, assimilando as técnicas apresentadas na cartilha com a teoria e explicações realizando os trabalhos apresentados.”

Para Jamile Uebe: “ A realização do projeto piloto do curso de Macramê foi extremamente importante para avaliarmos o que propomos na cartilha. Consegui notar onde havia necessidade de melhoramentos e o que já estava coerente. A cartilha foi de suma importância para esse projeto, ela norteia o andamento do curso, além de ser muito clara e precisa, sendo necessário apenas alguns ajustes para que ficasse impecável. A organização do sindicato de Lorena foi incrível: os materiais, a alimentação, todos os detalhes resolvidos com muita atenção, além de toda a disponibilidade do seu coordenador Talles e seu empenho para realização do projeto, que foi algo notável. As participantes estavam empolgadas, empenhadas em aprender, foram de suma importância para o sucesso dessa empreitada. A equipe do SENAR, composta por profissionais de grande competência, desempenhou seu papel com perfeição e contribuiu de forma rica para o andamento do processo.
A coautora Eva ajudou muito para o êxito da missão, agradeço por ter tido a oportunidade de partilhar e aprender com ela. Agradeço a todos, pois cada um fez que esse projeto pudesse acontecer! Resumindo, foi incrível!”

Todos os relatos deixam claro que as atividades do SENAR/SP só existem graças ao empenho e compromisso de várias pessoas envolvidas no processo e, por isso, é possível alcançar os resultados almejados e promover socialmente os participantes.

Para outras informações acesse o Portal FAESP/SENAR-SP