ALIMENTAR

É CONSTRUIR

O FUTURO

Paraná

Programa de desenvolvimento de líderes do campo entra em nova fase
Lideranca Rural Fase 2

Elaborado pelo Sistema FAEP/SENAR-PR em parceria com o Sebrae-PR, curso fornece embasamento para que gestores assumam o protagonismo no Paraná

26 de agosto 2022
Por CNA

O Sistema FAEP/SENAR-PR, com o apoio do Sebrae-PR, lançou mais adubo no cultivo de novos líderes no Paraná. Desde 2018, quando plantou a semente do Programa de Sustentabilidade Sindical (PSS) para ajudar os sindicatos rurais a encontrarem novas formas de sobreviver, dezenas de ações foram desenvolvidas para fortalecer a lavoura de líderes. Tudo isso culmina agora na fase dois do curso Liderança Rural, que leva adiante a missão de despertar protagonistas na representatividade rural, com participação expressiva de integrantes da Comissão Estadual de Mulheres da FAEP (CEMF). Em 16 módulos, um encontro estadual e uma viagem técnica, o campo paranaense terá seu time de mobilizadores ampliado.

O desenvolvimento de lideranças no Paraná pelo programa “Liderança Rural – Fase 2” tem como fundamento a união de diferentes recursos para promover mudanças nos processos de gestão, expansão e sustentabilidade das entidades sindicais participantes. “Nós apostamos nesse programa porque queremos beneficiar os representantes sindicais que já estão à frente da mobilização e também formar futuros líderes, que consigam trazer ideias novas, que nos façam chegar a novas estratégias para o fortalecimento do agro, o setor que mantém esse país de pé”, enfatiza o presidente do Sistema FAEP/SENAR-PR, Ágide Meneguette.

0

Bruno Lucchi, Ágide Meneguette, Cristiane Steinmetz e Vitor Tioqueta

Como parceiro do programa, o Sebrae-PR tem sido decisivo para conduzir a oxigenação das lideranças em curso no Estado. “Somente vamos conseguir fazer a diferença na sociedade se tivermos líderes preparados, comprometidos e querendo fazer as coisas acontecerem. O Sebrae-PR tem sido precursor em trabalhar com esse assunto em todo o Brasil e cada vez mais temos projetos, conteúdos e referências nesse sentido, tendo no Paraná um modelo que serve a outros Estados. E o Sistema FAEP/SENAR-PR tem nos proporcionado essa parceria que ajuda a despertamos novos líderes no campo paranaense”, apontou Vitor Tioqueta, diretor-superintendente do Sebrae-PR.

Formato da capacitação

O objetivo dessa segunda fase é capacitar os líderes rurais, direta ou indiretamente ligados aos sindicatos rurais do Estado do Paraná. Em oito encontros presenciais, profissionais de destaque no mercado e na academia vão abordar temas como liderança institucional, gestão da mudança, negociação institucional e governança e desenvolvimento. Posteriormente, com módulos a distância síncronos e assíncronos, entrarão em pauta oficinas de projeto, associativismo, raízes do agro, entre outros assuntos. Tudo isso com a intenção de levar os participantes a compreender o fenômeno da liderança na perspectiva institucional, considerando a representatividade do sindicato como elemento fundamental para a sua sustentabilidade.

Para isso, o programa leva em conta algumas premissas. A primeira é que o fenômeno da liderança deve ser tratado no contexto da sustentabilidade de um sistema de representatividade. A segunda é que a sustentabilidade é resultante da representatividade e não da simples busca por novas fontes de receita. Compõe a lista ainda o fato de que o líder deve tecer “junto com”, logo, liderar não é um ato heroico, mas estratégico. Fechando a lista, há a sabedoria de que o líder necessita de robustez de conhecimento.

0

Cristiane Steinmetz

0

Bruno Lucchi

0

Ágide Meneguette

0

Antonio Poloni

0

Rosangela Angonese

0

Vitor Tioqueta

A estratégia que costura esses conhecimentos envolve metodologias ágeis e ativas. Nas ágeis, estão conhecimentos na área de economia da atenção e mobilidade tecnológica com conexão contínua. Nas ativas, constam o protagonismo do participante, colaboração e ação reflexão. Nesses dois eixos, o programa aposta em ferramentas como experimentação, prototipagem, trabalho colaborativo e gestão à vista (desenvolvimento das atividades coletivas ou individuais, que estão relacionadas com o projeto da turma, fazendo com que o conhecimento seja compartilhado com todos).

Aula inaugural

Tudo isso começou no dia 22 de agosto, em Curitiba, quando mais de 100 pessoas acompanharam a aula inaugural do “Liderança Rural – Fase 2”. O evento serviu como pontapé inicial para o curso de 16 módulos, com alunos que já tinham participado de etapas anteriores da formação de líderes, integrante do PSS. Recentemente, no mês de junho, foram realizados 10 encontros em todas as regiões do Paraná. Nesses eventos, que deram um panorama de como funciona o Sistema FAEP/SENAR-PR, os interessados em continuar sua jornada para o despertar da liderança puderam garantir sua vaga na Fase 2.

0

O encontro inicial, em Curitiba, contou com a presença do presidente do Sistema FAEP/SENAR-PR, Ágide Meneguette; e do diretor-superintendente do Sebrae-PR, Vitor Tioqueta. Na programação, Bruno Lucchi, diretor técnico da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), trouxe um apanhado sobre os principais desafios impostos ao agronegócio no Brasil para se posicionar como player que garante soberania alimentar interna e externamente. Cristiane Steinmetz, fundadora da Rede de Mulheres Protagonistas do Campo, com representatividade em 13 Estados brasileiros, fez uma palestra sobre liderança e empreendedorismo da mulher no agro. Rosangela Angonese, coordenadora do Polo de Liderança Sebrae, tratou do funcionamento da Fase 2 do Liderança Rural; e Antonio Poloni, consultor do Sistema FAEP/SENAR-PR, falou da importância do sistema sindical rural para a família rural.

Os participantes tiveram a chance de conhecer mais a fundo o funcionamento do Sistema FAEP/SENAR-PR. Em uma dinâmica de apresentação ao vivo em formato de programa de rádio, os alunos acompanharam uma dinâmica de perguntas e respostas esmiuçando as divisões da representatividade rural. Assuntos relacionados aos sindicatos rurais, à FAEP e SENAR-PR forneceram um panorama de como se insere a formação de lideranças na hora de reivindicar melhorias ao campo, além de formações de qualidade e prestação de serviços a produtores rurais.

0

Homenagem ao presidente

Durante a aula inaugural, o presidente do Sistema FAEP/SENAR-PR, Ágide Meneguette, recebeu do Sindicato Rural de Cascavel, no Oeste do Paraná, uma homenagem aos serviços prestados à liderança rural do Estado. Uma placa em metal simboliza o momento em que Meneguette teve outorgada a comenda de honra ao mérito “pela incontestável liderança do agronegócio nacional e por constituir uma admirável referência ao sindicato rural patronal”. Um quadro com uma charge desenhada especialmente para o momento da entrega também fez parte dos presentes incluídos na homenagem.

Áreas de atuação