ALIMENTAR

É CONSTRUIR

O FUTURO

Mato Grosso do Sul

‘Despertar’ é mote do programa de alfabetização de trabalhadores rurais do Senar/MS
Foto Materia Educacao Campo

Homens e mulheres aprendem a ler e escrever com metodologia híbrida e personalizada

13 de julho 2022
Por Senar

Eles nunca buscaram estudo por falta de tempo, mas também por vergonha e medo de irem até a escola e ‘atrasar’ o aprendizado dos outros alunos. Este é o retrato da sala de aula do programa de alfabetização do campo do Senar Mato Grosso do Sul. O Despertando leva para a população rural uma metodologia híbrida e personalizada. Este é o tema da editoria #EducaçãonoCampo desta quarta-feira (13).

Despertar é o mote desta nova iniciativa que reúne trabalhadores rurais com o mesmo objetivo: aprender a ler e escrever e conquistar a independência.

“São pessoas que, por diferentes motivos, não tiveram a oportunidade de estudar quando ainda eram jovens, mas que hoje estão tendo a experiência e estão gostando. Eles querem concluir o curso com qualidade de vida, querem olhar o celular e saber o que está escrito e querem chegar nos lugares e dizer que sabem ler e escrever”, destaca a professora, Taís da Rosa Marques.

O programa tem duração de seis meses, com encontros às segundas, terças e quartas, em uma turma formada por no máximo 10 alunos, para dar melhor assistência individual. O conteúdo programático traz as disciplinas de português e matemática, no formato híbrido com aulas presenciais e a distância, sempre com a participação do professor.

“Eles estão bem animados e interessados. Nos intervalos para ‘prosa’, aprendo muito com a vivência de cada um. Está sendo muito gratificante compartilhar conhecimento e receber o ensinamento de toda a turma”, conta a professora.

Em todo estado, três turmas estão em andamento, sendo uma no município de Aral Moreira e duas em Corumbá.

Os interessados na iniciativa podem procurar pelo sindicato rural do seu município.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul - Ellen Albuquerque