ALIMENTAR

É CONSTRUIR

O FUTURO

Mato Grosso do Sul

ATeG voltado a suinocultores independentes busca melhorias na gestão e melhor remuneração
CAPA SUINOS

25 de abril 2022
Por Senar

Com a melhoria da qualidade de vida dentro da propriedade e as orientações técnicas, a transformação de vida é questão de tempo.

Com a nova vertente da Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) Aves e Suínos do Senar/MS, os suinocultures independentes terão recomendações técnicas para se enquadrarem em programas especiais que devem melhorar a remuneração e desempenho da granja. Esse é o tema da série #TransformandoVidas desta semana.

“Vamos integrar as recomendações técnicas com as recomendações gerenciais para que o produtor tenha enquadramento em programas especiais como é o caso do Leitão Vida, por exemplo. Com base nisso, ele tem uma remuneração melhorada e um desempenho melhor no seu projeto”, comenta Volmir Meneguzzo, técnico de campo do ATeG Aves e Suínos.

Além dos aspectos de gestão, as orientações do programa também focam em outras frentes. “O atendimento tem ênfase na análise e desempenho dos critérios ambientais, nos critérios de enquadramento social, evitando que o produtor tenha multas, penalidades e que o custo de produção se eleve significativamente”, completa Volmir.

Com a melhoria da qualidade de vida dentro da propriedade e as orientações técnicas, a transformação de vida é questão de tempo.

“Também ocorre naturalmente a qualidade de vida de seus colaboradores e equipe que estão envolvidos no projeto, evitando assim penalizações e problemas de não enquadramento nos critérios sociais e ambientais”, conclui Volmir.

Transformando Vidas  – Toda sexta-feira, o Sistema Famasul divulga uma reportagem sobre a atuação do Senar/MS e as suas transformações no campo. Confira outras histórias de sucesso no canal no  YouTube , e conteúdos sobre Piscicultura do Senar/MS em  ‘Mercado Agropecuário’  e  ‘Educação no Campo’ .

Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul – Leandro Abreu